reprogramação de centralinasA reprogramação de Opel Combo 1.7 DTi foi um “desafios” lançados por um dos utilizadores da página. Estes motores estão presentes nas diferentes plataformas da Opel, como o Corsa e o Astra, e são equipado por unidades Delphi/Delco. Habitualmente este tipo de viaturas são alvo de pequenas modificações, como remoção de sistemas anti-poluição, mas desta vez o desafio era um incremento de potência bem calculado e a cereja em cima do bolo era a implementação de um corte de rotação “lusomundo”. (a.k.a pipocas).

 

Estes motores 1.7 DTI são de origem nipónica, da famosa Isuzu, e contam com um sistema de injeção VP, um turbo sem geometria variável Mitsubishi e uns estonteantes 70 cavalos. O binário é também ele agressivo, com uns expressivos 165 nm, pelo que a expectativa era elevada. 

reprogramação de centralinas

Leitura da unidade

A leitura da unidade foi feita utilizando o MPPS, logo pela via OBD2, o qual faz uma leitura completa da unidade em poucos minutos. Nestas unidades, tais como em muitas outras, é necessário garantir que a fonte de tensão (bateria) está em condições, caso contrário poderemos encontrar uma unidade morta, em menos de nada.

O ficheiro resultante da nossa leitura está aqui: Opel Combo 1.7 DTI

As informações acerca deste tipo de unidades são escassas pelo que a expectativa de encontrar um damos ou um mappack era reduzida, logo a solução passou pela descoberta, “à lá pate”, dos respectivos mapas.

reprogramação de centralinas
Drivers wish – Um dos mapas fundamentais para o aumento de potência.

 

O mapa do pedal de acelerador foi um dos primeiros a ser testado, na expectativa de perceber quais as unidades e factores envolvidos na programação, mas desde logo apareceram problemas, com a unidade a “rejeitar” por completo o ficheiro alterado, recusando-se a pegar a trabalhar!!! Bem, como manda a “lei” carregou-se o ficheiro original da unidade e, sem qualquer problema, o carro funcionou como devia ser, despistando desde logo a capacidade de escrita do ficheiro. Após alguns testes e experiências descobriu-se o problema….: CHECKSUM!!!

Pois é, fomos traídos pelo checksum, que estava mal calculado. O responsável pelo cálculo do checksum foi o software Checksum Corrector, o qual se encontra disponível para download na secção de software. Em boa verdade foi a primeira vez que este software falhou comigo, pelo que não deixarei de o recomendar, ressalvando que NÃO FUNCIONA em unidades Delco, pelo que, fica o aviso.

reprogramação de centralinas
Checksum Corrector – Uma aplicação gratuita para o cálculo do checksum, especialmente útil em unidades mais antigas.

No meio destes testes, para despiste do problema, descobrimos também que o “MPPS V13”, portanto a versão clonada do MPPS, também corrige de forma errada este checksum, sendo que o único software que fez o cálculo de forma correcta foi o ECM Titanium. É importante notar que o MPPS Original ou a versão original do WinOls trata deste checksum sem qualquer problema.

É importante, mais uma vez, chamar à atenção para o facto destas unidades, com variações de tensão, terem o hábito de perder a codificação de variante, pelo que é necessário algum cuidado na escrita do ficheiro, garantindo tensão constante à bateria/unidade.

Mapeamento da unidade

O mapeamento da unidade consistiu na alteração de simples mapas, não sendo necessário mais do que 4 a 5 mapas para atingir o objectivo pretendido, incluindo as pipocas! 🙂

reprogramação de centralinas
WinOLS – Mappack para Delco Y17DT

Para quem quiser dar uma vista de olhos, segue a listagem dos respectivos mapas:

Endereço Hexdump Tamanho
$36736 Specific air mass flow quantity 25×16
$3607E Specific mass air flow quantity 28×18
$3968E Torque limiter 28×1
$3961C Torque limiter 28×1
$39546 Torque limiter 28×1
$3B522 Smoke limiter 28×19
$3B9A2 Smoke limiter part load 28×15
$3E486 Injection limiter part load 29×21
$3F224 Boost pressure map 26×21
$3F6C8 Boost limiter 26×21
$3AEEE Drivers wish 28×17

Um dica, que poderá ser útil é que, ao contrário das unidades Bosch, os eixos nesta unidade encontram-se com a ordem inversa, isto é, o eixo mais próximo do mapa é o eixo das linhas e o eixo mais afastado do mapa, o eixo das colunas.

Resultado final
reprogranação de centralinas
Teste de potência – Representação gráfica do aumento de potência estimado. Pelo cariz educativo desta reprogramação não foram executados quaisquer testes de potência.

 

O teste em estrada revelou-se satisfatório, com um incremento, deste cedo, do binário disponível. A potência, superior em toda a faixa de rotação, especialmente acima das 4000 rotações, transformou este carro de trabalho. Com o aumento do débito, e pelo facto da regulação da pressão de turbo ser mecânica, ficou algum fumo visível, pelo que o próximo “stage” será o aumento da pressão de sobrealimentação.

Qualquer dúvida, comentem…

PUBLICIDADE:

4
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
3 Thread replies
2 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Miguel CunhaNuno da Costa Pacheco Recent comment authors
newest oldest
nunomexanic
Membro
nunomexanic

Olá Miguel,

Será possível falares melhor como fizeste o Popcorn/Hardcut neste mapa, por experiência própria(muito curta) sei que pelo menos nas centralinas que equipam os famosos PD130, a EDC15, é feito através de uma sequência no qual chamam o mapa SVRL.

Além disso poderias falar melhor como se origina tal processo bonito para os nossos ouvidos(popcorn), pelo que sei é um corte de gasóleo a altas rotações, desde os seus prós e contras a nível de performance e fiabilidade.
Mesmo que esteja errado, espero que me corrijas.

Cumprimentos, Nuno 😉